sexta-feira, 13 de agosto de 2010

Alguém pratica Capoeira Ango-Regional?

Segundo o Brasilturis Jornal, durante o I Seminário Nacional de Turismo Étnico Afro que termina hoje, foram apresentadas informações do mapeamento da capoeira realizado pelo Escritório Internacional de Capoeira e Turismo. O mapeamento levanta informações relativas aos grupos, academias, associações e escolas de capoeira, na Bahia, no Brasil e no Mundo.

No seminário, foram divulgados dados preliminares que mostram que a capoeira já é praticada em 162 países, e que o estilo mais praticado seria o Regional, por aproximadamente 32% dos capoeiristas, seguido do Ango-Regional, praticado por 27%.

Agora vem a pergunta que não quer calar: O que é Capoeira Ango-Regional?

Imagino que seja o mesmo de Anglo-Regional que, pelo que sei, foi criada em Pernambuco por Mestre Pirajá na década de 70 e também é chamada de Capoeira Pernambucana. Seja como for, nunca ouvi alguém dizer: "Pratico Capoeira Anglo-Regional".

Não que eu queira colocar em dúvida o resultado preliminar do mapeamento, mas me soa muito estranho que a Capoeira Ango(ou Anglo)-Regional seja mais praticada que a Capoeira Angola.

Ou será que sou eu que estou muito focada na minha terrinha e não enxerguei que o estilo Pernambucano está conquistando tanto espaço?

Pensando nisso, resolvi criar a primeira enquete do Capoeira de Vênus, que você encontra à direita, logo abaixo do resumo dos últimos posts: "Qual o estilo que você pratica?". Vou deixar disponível para respostas por um mês, até 13 de setembro, depois comento os resultados.

Se você é praticante de Capoeira Anglo-Regional, por favor responda a enquete e comente o post também, pois informações são sempre bem vindas.

Atualizado em 17/09/2010
Para quem caiu aqui de pára-quedas vale informar que já publiquei mais dois posts sobre o assunto: Enfim: O que é a Capoeira Anglo-Regional?, com tudo o que eu descobri sobre o estilo, e Mapeamento da capoeira e enquete de Vênus, onde eu explico como é feito o mapeamento cujos dados eu comentei neste post e informo o resultado da enquete.

Como é possível que eu não pare por aqui, os interessados também podem clicar aqui para ver tudo o que for postado no Capoeira de Vênus sobre a capoeira Anglo-Regional.

12 comentários:

Papagaio Preto disse...

Achei interessante este post, quando puder colocar mais informações sobre esse "estilo" de capoeira. Alguém já ouviu comentar sobre capoeira livre?

tatsujiraya disse...

Seria essa Ango-regional uma mistura da Regional e da Angola? Já basta carinha dizendo ser da "Capoeira Contemporanea" que é apenas descaracterizada voltada somente para acrobacias e sem nada de ritual... Que é essa tal Ango-regional??

Venusiana disse...

Gente, eu confirmei que o Ango-Regional seria mesmo o Anglo-Regional. Provavelmente houve um erro de digitação no site onde vi a informação.

É, tatsu, pelo pouco que sei o Anglo-Regional seria sim uma mistura de Angola e Regional, o que para mim não faz sentido já que a Regional já vem da Angola. No meu modo de ver seria como querer fazer uma nova receita misturando chocolate com cacau. No máximo se teria um chocolate mais forte.

Papagaio Preto, estou atrás de mais informações e logo coloco aqui. E essa Capoeira Livre é novidade para mim. Você sabe alguma coisa sobre ela?

Papagaio Preto disse...

Bom, não sei se o cara que me informou isso falou besteira ou arrumou uma desculpa rápida quando eu perguntei sobre a capoeira dele depois de assistir uma roda. Ele me disse que praticava capoeira livre, que é um tipo de capoeira que não tem formato definido e acrescenta movimentos todos os movimentos possíveis que eles vem em outros grupos de capoeira. Praticamente é isso. Eu ponderei sobre o cara falou, pois ele disse que treina há muitos anos e que era um graduado do grupo dele...

Jotaaga disse...

Capoeira Anglo-Regional é coisa do Mestre Itapoan que cunhou esse termo para denominar os praticantes da Capoeira Regional que diziam praticar tambem a Capoeira Angola e para que não houvesse referencia a Capoeira Angola inventou esse termo exdruxulo. Ouvi esse relato do próprio Mestre Itapoan em um evento ele só não menciona porque adotou o termo como eu afirmo ai em cima.

Venusiana disse...

Bom, Jotaaga, a história que eu já ouvi é outra, como eu citei no post, mas é bom saber que existe outra versão.

Em breve eu trago mais informações a respeito da versão que eu conheço.

Psico disse...

Interessante o post. Acredito que o termo seja mesmo uma soma de Angola e Regional, como quem joga (pratica) ambos os estilos. O que para mim é o mesmo que capoeira contemporânea. Acredito que na capoeira contemporânea existam grupos que, como disse o tatsujiraya, são voltadas apenas para as acrobacias e não tem ritual, mas não podemos generalizar. Capoeira Regional mesmo é a do Mestre Bimba. Trabalho da linha de Mestre Nenel, que mantém as tradições do pai e tal. E tem muita gente que se diz ser da Capoeira Regional mas na realidade está longe disso. Na Angola e na Regional também tá chieo de gente que não segue rituais e são enganadores... Sou da Abadá-Capoeira, que o pessoal chama de Capoeira Contemporânea... E lá tem (e muito) ritual e fundamento. Enfim... em qualquer que seja o estilo... há pessoas picaretas e sem fundamento e gente comprometida com a arte!

Psico disse...

Ahh! Uma pergunta: não seria a capoeira livre o mesmo que capoeira de rua? Li uma vez também um cara dizendo em uma revista de capoeira que fazia "capoeira free style"... é cada uma que inventam, né? rsrsrsrs!

Venusiana disse...

Nossa, Psico, bem lembrado, hoje em qualquer estilo existem pessoas comprometidas ou não.

Puxa, estou um pouco atrasada, mas estou preparando um texto sobre o que eu descobri da capoeira Anglo-Regional e outro sobre como é feito este mapeamento. Posto em breve.

Abraço

pester disse...

oi venusiana, queria saber se vc continuo com essa sua pesquisa e confronto com o projeto do Escritorio internacional de Capoeria. Eu to interesada em isso porque quero realizar um projeto para capoeria angoa;)
me fala por favor

Venusiana disse...

Olá, Pester. Depois deste post escrevi mais dois ou três sobre o assunto, não sei se você chegou a ver, mas os links para cada um estão nos próprios textos.
Infelizmente, por falta de retorno, não fui muito além. Mas quem sabe você não tem mais sorte do que eu. Os links para os sites do Mestre Pirajá e do Escritório Internacional da Capoeira também estão nos textos.

Boa sorte no seu projeto!

Conselheiro Mestre Espinhela disse...

Sou chamado Espinhela capoeirista desde 06/01/1974, atualmente gestor da União dos Capoeiras Leão do Norte, UNICALEN, A Capoeira Anglo-Regional é uma fundição da Angola, Regional e as lutas da época criada em 16/2/1969 por Marcondes Luiz Ferreira da Silva (Mestre Pirajá)do Morro da Conceição,Recife,Pernambuco,Brasil, Ele juntou os 21 golpes que achava ser da Angola e os 52 da Regional Baiana, e ensinou a seus Alunos, os que mais se destacaram foram marcos Barrão do Axé Capoeira e Minervino Espinhela da UNICALEN, qualquer pergunta é só preguntar pelo e-mail: espinhela@gmail.com
É um prazer dá todas informações.

Quem faz o Capoeira de Vênus

Venusiana
Meu nome de verdade é Neila, no espelho, alieN, o que é só mais um motivo dessa brincadeira espacial. Adoro ler e escrever, por isso me formei jornalista. E foi fazendo estágio de jornalismo que tive meu primeiro contato com a capoeira e me apaixonei. Comecei a treinar na Escola de Capoeira Armagedon, com o Mestre Del, e hoje sou pré-estagiária do grupo. Ainda tenho muito o que aprender sobre capoeira, por isso não fiz esse blog para ensinar nada a ninguém, apenas para trocar informações sobre essa arte maravilhosa. Deu tão certo que hoje escrevo também a coluna Capoeira Mulheres, no Portal Capoeira.

Meu e-mail: capoeiradevenus@gmail.com
Visualizar meu perfil completo
Ocorreu um erro neste gadget

  ©Template by Dicas Blogger.

TOPO