sábado, 19 de dezembro de 2009

O exemplo de atletas do Piauí

Uma bela atitude chamou atenção no Piauí na data de ontem, dia 18. Cerca de 300 atletas e policiais se uniram no Sesc Ilhotas para doar sangue e convidar a população a fazer o mesmo, garantindo o estoque do Hemopi, o hemocentro piauiense, neste fim de ano.

Participaram desta ação de incentivo o Grupo de Capoeira Raízes do Brasil, atletas de Kung Fu, Jiu Jtisu, Natação, Basquete de Cadeirantes, Vôlei, além de representantes de torcidas e policiais militares de grupos especiais.

Para quem ainda não se inspirou com esse exemplo, seguem cinco motivos para ser um doador de sangue:

* A cada dois segundos, algum paciente necessita de transfusão de sangue no Brasil;

* O processo é simples. São cinco etapas: cadastro do doador, triagem clínica, voto de auto exclusão, doação propriamente dita e lanche pós doação;

* O doador já faz um check up de sua saúde, já que a triagem inclui teste de anemia, verificação da pressão arterial, batimentos cardíacos, peso e temperatura, e o sangue doado é testado para seis doenças infecciosas: Hepatite B, Hepatite C, HIV, HTLV, Sífilis e Doença de Chagas;

* A doação não engrossa nem afina o sangue;

* Três é o número de vidas que são salvas com cada doação de sangue.

Fontes:
Fundação Pró-Sangue
TV Cidade Verde

Um comentário:

Ministério da saúde disse...

Olá blogueiro, é muito importante fazer este tipo de incentivo, principalmente no mês de dezembro quando a demanda aumenta e o estoque de sangue diminui. Para ser um doador de sangue, o indivíduo tem que ser saudável, ter entre 18 e 65 anos, pesar mais de 50 quilos e não ter sido contaminado por doença transmissível. A recomendação do Ministério da Saúde é que as pessoas doem sangue, no máximo, três vezes ao ano. Entre as doações dos homens, o intervalo não pode ser inferior a dois meses. No caso das mulheres, o intervalo entra as doações não pode ser menor que três meses.
Para mais informações: fernanda.scavacini@saude.gov.br
Ministério da Saúde

Quem faz o Capoeira de Vênus

Venusiana
Meu nome de verdade é Neila, no espelho, alieN, o que é só mais um motivo dessa brincadeira espacial. Adoro ler e escrever, por isso me formei jornalista. E foi fazendo estágio de jornalismo que tive meu primeiro contato com a capoeira e me apaixonei. Comecei a treinar na Escola de Capoeira Armagedon, com o Mestre Del, e hoje sou pré-estagiária do grupo. Ainda tenho muito o que aprender sobre capoeira, por isso não fiz esse blog para ensinar nada a ninguém, apenas para trocar informações sobre essa arte maravilhosa. Deu tão certo que hoje escrevo também a coluna Capoeira Mulheres, no Portal Capoeira.

Meu e-mail: capoeiradevenus@gmail.com
Visualizar meu perfil completo
Ocorreu um erro neste gadget

  ©Template by Dicas Blogger.

TOPO