quarta-feira, 21 de outubro de 2009

O heroi Besouro


Ontem foi a pré-estreia do filme Besouro, em São Paulo, e eu estive lá para conferir o filme. Infelizmente não tenho o menor talento para crítica de cinema, antes de falar bem ou mal sempre penso no antigo ditado: "gosto não se discute", mas de forma nenhuma eu poderia deixar de passar minhas impressões aqui.

Da capoeira, nasce um heroi, é o slogan do filme. E foi o tipo de herói que mais me puxou à reflexão. Obviamente eu não esperava encontrar um super herói com super poderes e uma identidade secreta, mas confesso que eu esperava encontrar um heroi liderando seu “exército revolucinário”, mas não foi bem isso que eu encontrei.

O que vi foi um heroi humilde, travando uma batalha um tanto solitária, por meio de atitudes simples, mas que fizeram toda a diferença. Um heroi que nunca convocou ou pediu que lutassem com ele, mas cujas atitudes serviram de exemplo e foram seguidas, criando um novo modo de agir entre os negros do Recôncavo Baiano.

Nenhum comentário:

Quem faz o Capoeira de Vênus

Venusiana
Meu nome de verdade é Neila, no espelho, alieN, o que é só mais um motivo dessa brincadeira espacial. Adoro ler e escrever, por isso me formei jornalista. E foi fazendo estágio de jornalismo que tive meu primeiro contato com a capoeira e me apaixonei. Comecei a treinar na Escola de Capoeira Armagedon, com o Mestre Del, e hoje sou pré-estagiária do grupo. Ainda tenho muito o que aprender sobre capoeira, por isso não fiz esse blog para ensinar nada a ninguém, apenas para trocar informações sobre essa arte maravilhosa. Deu tão certo que hoje escrevo também a coluna Capoeira Mulheres, no Portal Capoeira.

Meu e-mail: capoeiradevenus@gmail.com
Visualizar meu perfil completo
Ocorreu um erro neste gadget

  ©Template by Dicas Blogger.

TOPO